Os perigos de se automedicar

A automedicação é vista por muitas pessoas como uma solução rápida para aquela dor que está incomodando. Pode ser uma dor de cabeça, muscular, intestinal, cólica, entre diversas outras perturbações. Como já estão acostumadas a sempre tomar o mesmo remédio, então, quando sentem a dor, vão até a farmácia e compram os medicamentos sem prescrição.

O remédio que achamos que é o certo para curar a dor pode até aliviar no momento, mas também pode trazer uma série de outras complicações no futuro. Isso porque, se você não é um profissional da saúde, não conhece as especificidades de cada medicamento e as necessidades do organismo quando está com alguma dor ou doença.

Quando se faz uso sempre do mesmo medicamento: o organismo pode criar resistência ou dependência de determinado remédio.

Além disso, nem sempre conhecemos a causa da dor. As vezes uma dor comum pode ser algo mais sério e que precisar de um tratamento específico. Por isso a importância de consultar um médico antes de tomar qualquer medicamento.

Também há aqueles remédios que escondem os sintomas, mas não curam a doença, como é o exemplo de alguns fármacos usados para rinite. É comum fazer destes medicamentos achando que está resolvendo o problema, quando na verdade ele pode estar só piorando, mas com os sintomas camuflados.

Outro fator muito preocupante em se automedicar é que, às vezes, um remédio pode cortar o efeito de outro. Isso acontece mais frequentemente com alguns tipos de antibiótico e anticoncepcional. Varia de caso para caso, mas pode acontecer do primeiro medicamento cortar o segundo, que é de uso contínuo.

Por todas essas razões, é imprescindível consultar um médico quando sentir qualquer dor ou perturbação e não fazer uso de remédios sem prescrição médica. As consequências são mais sérias do que pensamos. Quando você acredita estar curando uma doença, pode estar desenvolvendo outras muito mais graves.

Docway: atendimento médico domiciliar

Se você é daquelas pessoas que não gosta de passar horas em um hospital esperando para ser atendido e tampouco tem esse tempo livre, o aplicativo médico Docway foi feito para você. Trata-se de uma inovação para evitar filas em pronto-atendimentos e facilitar para que as pessoas cuidem do que realmente importa: a saúde.

O modo de usar é bem simples: basta baixar o Docway na loja do seu celular e criar uma conta no aplicativo. Em seguida, você adiciona endereço em que deseja ser atendido, a especialidade médica e a data e horário da consulta. Assim você consegue atendimento médico em casa sem enfrentar filas e outras burocracias. O pagamento também é simples: você informa os dados do cartão de crédito no aplicativo e a cobrança é feita online.